Vítor

Vítor era um guri sonhador. Como todo brasileiro queria jogar futebol, achava que com o salário mais baixo que fosse ganhar conseguiria sustentar sua mãe -uma senhora de meia idade- e seus dezoito irmãos. Queria ter dinheiro o suficiente para ir ao mercado e comprar tudo o que gostaria de comer, de vestir, de dividir com seus irmãos. Vítor tinha oito anos. Quando completou os quinze sua família perdeu a casa em que vivia, seu pai -que já estava morto- deixou dívidas que a família não conseguia pagar. Vítor encontrou um espaço cheio de barro atrás de uma indústria. A poluição fez com que dois de seus irmãos mais novos falecessem com tuberculose. Ele construiu uma casa com madeirite, e sua mãe trabalhava como empregada doméstica de uma mansão que ficava à 6,8 km de sua nova casa. Precisava sair ainda de madrugada e chegava sempre à meia noite. Vítor queria um emprego para que sua mãe, já idosa, pudesse ficar somente em casa. Mas ele nunca conseguiu nada que desse para sustentar a família tão grande. Foi quando conheceu Cleiton, um rapaz no auge da idade, que lhe prometeu um emprego descente e que ganhava bem mais que os outros que conseguira. Vítor se vendeu sem saber! Agora era traficante! E mesmo que não quisesse continuar naquela vida, sabia que sua família estava protegida. Porque em terra de bandido um defende o outro. Já a polícia só defende quem quer.

image

Anúncios

Escrito por

Estudante de Jornalismo e brasiliense. Apaixonada por cinema, literatura, música, culinária e beleza. Com família paraense, das raízes indígenas, se criou em Brasília onde pode descobrir mais sobre o mundo e se apaixonou pela profissão que escolheu. Criou o Diário em 2014, quando decidiu manter vivas as poesias que mantinha em cadernos por anos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s