Cobra venenosa, trapaça da mente: Traição!

Traição
s.f. Ação de trair alguém; perda completa da lealdade que resulta de uma ação traiçoeira: perdeu o emprego por traição empresarial.
P.analogia. A infidelidade num relacionamento amoroso.
Jurídico. Crime que se configura pela ameaça à segurança da pátria ou de suas instituições.
(Etm. do latim: traditio.onis)

Estava conversando com uma colega da faculdade ontem e chegamos nesse assunto: Trair, por que?

Honestamente, defendo a teoria de que só amamos uma vez na vida e como não temos como saber o que é o amor até encontrá-lo muitas pessoas se deixam enganar com defesas de “entramos numa rotina; acabou o tesão; não aguento ficar só com ele(a)” e etc.

Já tive experiências em que fui traída e em que traí. Nenhuma delas foi muito boa. Um namorado me traiu e veio com a desculpa (que em nada me convenceu, mas que eu perdoei não sei porque) “queria saber se te amava mesmo e depois de ficar com outra pessoa descobri que te amo”. Não sei dizer o que passava pela minha cabeça naquela época, mas como se tornou um relacionamento chiclete eu cheguei a traí-lo com a desculpa de que queria vingança. O que não faz sentido já que ele nunca descobriu.

Há alguns meses tive a possibilidade de fazer o mesmo, trair meu atual namorado. Mas foi tão fácil perceber a diferença entre os dois rapazes que não o fiz. Porque:

1 – Eu amo meu namorado. (awnnnn)
2 – Para quê vou trair alguém que eu amo com alguém que eu não sinto nada?

Qual a necessidade de trocar um sentimento, uma construção, que levou muito tempo para ser o que é hoje por uma simples diversão de minutos? É como trocar o seu salário anual e estável por um atestado médico de quinze dias só porque você está cansado resultando numa possível demissão. Não faz sentido.

Se você, que está lendo esse post, está pensando em trair seu parceiro pare e reflita: vale a pena?
Arriscar um relacionamento que te faz feliz por alguns segundos ou minutos ou talvez horas de satisfação? Porque nada é perfeito e ninguém nunca vai te satisfazer da forma como espera. E uma pessoa só é nova na sua vida nos primeiros minutos, depois se torna mais uma pessoa que você conheceu.

E se você está traindo seu parceiro reflita sobre como está seu relacionamento, porque só procuramos alguém quando quem está conosco não nos faz bem. Seja com a falta de parceria, falta de carinhos, falta de elogios, excesso de brigas… quando todos os pontos negativos passam a ser maiores que os positivos e você já não está tão feliz.

Mas esqueça de uma vez por todas a possibilidade de uma pessoa te fazer feliz! Se você não é feliz sozinho não vai ser feliz com mais ninguém, porque querendo ou não estamos a sós com nós mesmos.

Não há necessidade de se prender a alguém se este não acrescenta coisas boas a você. E pontue tudo o que pode te fazer trair em duas listas, a dos prós e contras. E se perceber que só tem esse desejo por pura safadeza, vamos parar de sonhar alto! Sexo pode ser apenas sexo, mas é uma ligação muito forte. Amizades coloridas são perigosas e podem resultar em problemas futuros com o seu coração ou com o da pessoa que se envolveu.

Muitas vezes somos obrigados a pensar de formas egoístas e persuadidos defendemos nossa liberdade, mas nos esquecemos que deve existir respeito e o seu termina quando a do outro começa. Somos livres, mas muitas vezes essa tal liberdade é encarada como libertinagem. E devemos ser cuidadosos.

Não conhecemos as pessoas como achamos conhecer. Talvez as novelas retratem isto de forma cômica e um tanto exagerada, mas não deixa de ser verdade. Uma pessoa aparentemente boa pode ser capaz de matar sem sentir remorso, outro pode trair com tanta convicção de que está certo que deixa de se importar com seu relacionamento.

Mas podemos ter a certeza: traição pode estar envolvida com a falta de amor em si. Procurar por tudo o que puder ser seu e de forma ilusória te fazer “feliz”, e no final de tudo você sentir um vazio e perceber que nada valeu a pena. E o que costuma acontecer é você perceber que fez algo errado com alguém que não merecia e ela nunca mais te perdoar. Por respeito, por consideração e por liberdade: se pensar em trair, termine algo e recomece outra coisa do zero. Mais vale a pena ser sincero que se esconder com um milhão de máscaras.

traicaoo

Anúncios

Escrito por

♦ Brasiliense com sangue do Pará, amante de moda, culinária, cinema e música. Sonhava em ser bióloga marinha, mas vem se provando mais jornalista do que achava. Escreve menos do que sua mente produz, mas a memória deixa a desejar. Curiosa e repórter, então saiba que tudo o que disser poderá se tornar texto novo. E se a encontrar, prove seu abraço... dizem ser o melhor do mundo. ♦

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s