Pare e reflita Nº 1

Ela deveria sorrir mais, brincar mais com as palavras, ligar menos para o que dizem. Nem todo mundo deve se levar tão a sério.

A vida segue rumos muito inusitados, isso a gente já sabe, mas então me explica o motivo da frustração quando nossos planos dão errado? Será que é mesmo tão difícil aceitar tudo como é?

A vida é apenas isto: um encadeamento de acasos bons e maus, encadeamento sem lógica, nem razão.

Florbela Espanca

6820cd2e3d064c97299e6baafc90efd91146433324.jpg

É preciso que se pense além. Nossos sentimentos costumam nos confundir e nos deixar perdidos, é necessário que haja muito conhecimento de si para não se deixar enganar. Mas erramos sem perceber, porque estamos mais preocupados em tentar controlar o que não é possível. Quanto tempo nós perdemos fazendo isso?

A vida já é curta, mas nós tornamo-la ainda mais curta, desperdiçando tempo.

Victor Hugo

Tantas vezes pensamos que algum comentário feito por qualquer pessoa próxima é um julgamento, proibição ou sermão. Raramente deixamos nossas defesas naturais -e humanas- de lado, sempre nos defendemos. Fica até extremamente mais raro partilhar coisas que nos agradam ou que pensamos por causa disso.

Se passou pela sua cabeça que alguém não gosta de ti e que isso é ruim; que ninguém te aceita como você é ou, ainda, que você não pertence a esse meio em que vive, não se engane. Não se permita criar falsas verdades, não se exclua do mundo… você já viu o tamanho do mundo? Há uma quantidade enorme de pessoas que podem se identificar contigo, uma infinidade de conhecimentos a serem absorvidos pelo teu cérebro, uma combinação surreal de alimentos, músicas e livros que você pode possuir, provar e sentir.

Pensamentos são destrutivos se houver permissão. Nada acontece sem que permitas. Nada deveria te impedir de sorrir.

tumblr_static_tumblr_static_59f9vnpkz2g4g8s4gkwk0wocg_640

Tenho praticado alguns exercícios mentais para não me deixar levar por alguns pesamentos como esses, o que tem me feito muito mais feliz do que um dia pude imaginar. O que pensamos sobre nós importa extremamente mais do que o que os outros pensam, o que queremos é, definitivamente, fundamental.

Somos o que pensamos. Tudo o que somos surge com nossos pensamentos. Com nossos pensamentos, fazemos o nosso mundo.

Buda

1 – Nada nem ninguém é perfeito.
Nos cobramos sempre muito, queremos sempre atingir o patamar exemplar, modelo de perfeição, mas nos esquecemos que nada é assim tão maravilhoso e intocável. Tenho reparado muito, por exemplo, nas árvores. Em como elas são altas, tortas e com as raízes por fora da terra; com folhas às vezes meio malhadas, com tons de verde e amarelo, o casco que parece camadas… e por incrível que pareça, elas sempre embelezam os lugares em que estão justamente por serem assim. Deseje ser uma árvore: diferente, único e imperfeito porque sua beleza está nisso.

2 – Olhe para o que tem vida e contemple. 
A rotina nos rouba o olhar para essas vidas que nos rodeiam. Parar para contemplar a vida é indispensável! Comecei a fazer isso focando não só em pessoas, mesmo imaginando o que elas estão pensando ou vivendo, mas também passei a fazer isso com pássaros, árvores (de novo rs), formigas, enfim… tudo o que for vivo e colorir o dia. Não é incrível, por exemplo, notar as cores que o sol traz para o céu durante todo o dia? Eu fico boba observando isso.

3 – Faça o que realmente sentir que é importante.
Esqueça a desculpa da falta de companhia para fazer coisas que deseja, sua melhor companhia é você mesmo. Dançar sozinho, rir de si mesmo e sair sem ninguém querendo mudar seus planos, por exemplo, é muuuuuito bom. Sério. Quem nunca fez isso deveria.

4 – Você não está sozinho, então não se feche no seu próprio mundo.
É verdade que estamos sozinhos, sim eu sei, mas é também uma mentira já que sempre estamos rodeados de outras pessoas. Por mais que não tenha ninguém te acompanhando, sempre tem alguém perto que você não conhece, mas só por tê-las isso já prova que você não está sozinho.

5 – Fale.
Tá com raiva? Tá puto? Tá com tanta raiva que poderia morder e quebrar um tijolo? (às vezes penso assim rs) Tá muito feliz? Tá apaixonado? Fale o que você estiver sentindo. Exploda mesmo, “chute o pau da barraca”. Esvaziar o peito e a mente faz bem, mas é preciso cuidado para não ofender, o respeito é indispensável. Não use a desculpa de não querer que te roubem a alegria com olho gordo, porque por mais que seja verdade, nós precisamos viver sem tanta preocupação. Muitas vezes é aí que devemos pensar em nós mesmos.

Até a próxima, diário!

>> Deixe um comentário sobre o que pensa sobre esse post e quem sabe ele não rende um novo. 🙂

 

Anúncios

Escrito por

♦ Brasiliense com sangue do Pará, amante de moda, culinária, cinema e música. Sonhava em ser bióloga marinha, mas vem se provando mais jornalista do que achava. Escreve menos do que sua mente produz, mas a memória deixa a desejar. Curiosa e repórter, então saiba que tudo o que disser poderá se tornar texto novo. E se a encontrar, prove seu abraço... dizem ser o melhor do mundo. ♦

Um comentário em “Pare e reflita Nº 1

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s