To good.

Eles tem medo desse tipo de mulher que sonha, que traça um objetivo e foca nisso que chamam de loucura. Dizem as más línguas que é impossível realizar tal desejo, que já passou a idade de sonhar e que precisa manter os pés no chão só porque eles são medrosos ao ponto de abandonarem os próprios sonhos.

Deixar que a dor seja sentida por algum tempo, curto, e lavar o rosto, dar a volta por cima e seguir a vida é loucura para eles. Eles acham que é impossível renascer e viver coisas incríveis, mesmo que não durem. Que é errado se envolver rapidamente com pessoas distintas, como se houvesse regra ao coração.

você deve pensar que sou novo nisso, mas eu já vi isso tudo antes

Eles se assustam com a forma de pensar ágil, veloz, cheia de críticas e de opiniões fortes, gritos e exigências porque ser delicada é o oposto disso. Chorar é sinônimo de fraqueza, mesmo se você chora por cansaço, por estar traçando teus objetivos. Para eles é loucura sonhar junto, compartilhar vontades, viver de futuro nem que seja por pouco tempo, como se tudo fosse simples e objetivo, como se tudo fosse fácil, como se tudo se realizasse da noite pro dia simplesmente porque querem.

Eles não nos entendem como obra de arte divina, nos intitulam complicadas e nem ao menos conseguem perceber que atenção, carinhos e sinceros elogios nos ganham. Mulher não é bicho complicado, dê pouco para nós que receberá mil vezes mais. Afinal, respeito, carinho e sinceridade nos ganham e evitam grandes problemas. Sempre. Mas dê isso, também, a qualquer um… o mundo se acostumou a não fazer isso e a ficar cada dia mais solitário e distante. Por isso se assustam quando encontram alguém que sente de mais, que fala de mais, que é de mais.

4d8a0a7b726793cf68aab073d60d3ac1-profile-photos-model-profile

Eles fogem quando notam sua força, seu amor exacerbado que ignora os defeitos e falhas deles. Não são capazes de se dar o melhor e acham que ninguém consegue isso também, se limitam ao que pensam ser lei, a falta virou lei sim. Fogem das vozes fortes que são cheias de vontades que não mudam, porque não sabem aceitar nossas vontades. Eles acham que nós sempre seremos moldes que se adequam aos seus planos e sonhos, como se nossas decisões não pudessem ser levadas à sério, como se nossas conclusões não fossem boas para eles só porque não foi pensada por eles.

e a cada vez que você me deixa, mais rápido estas lágrimas secam
e a cada vez que você vai embora, menos eu te amo
meu bem, não temos chance, é triste, mas é verdade

Nem tudo isso é verdade absoluta, nem tudo é o produto final. Mas a cada pequena coisa causada por atitudes aqui descritas fazem com que um relacionamento acabe ou seja infeliz. E, sabe, ninguém merece ser infeliz… nem sozinho sem perspectiva de companhia.

A vida é tão mágica, tão bonita… por que as pessoas insistem que suas inseguranças são condições de boa vida? Como se sofrer fosse comum, como se ser menos fosse comum e normal.

Por que pensam assim?

 

Anúncios

Escrito por

♦ Brasiliense com sangue do Pará, amante de moda, culinária, cinema e música. Sonhava em ser bióloga marinha, mas vem se provando mais jornalista do que achava. Escreve menos do que sua mente produz, mas a memória deixa a desejar. Curiosa e repórter, então saiba que tudo o que disser poderá se tornar texto novo. E se a encontrar, prove seu abraço... dizem ser o melhor do mundo. ♦

5 comentários em “To good.

  1. Olá Águida,

    Muito interessante e pertinente seu texto.
    Eu como homem e pai de uma menina (6 anos)… entendo que somos o resultado de uma cultura patriarcal secular e também machista… o que fez com que a mulher não tivesse sua liberdade de ser o que ela é.
    Estamos em processo de mudança de paradigmas em todas as esferas, pessoais, culturas, sociais… e a “mulher forte” será simplesmente “a mulher” que ela quiser ser.

    Um abrasOM
    Adriano

    Curtido por 1 pessoa

    1. É tão louco perceber que quando somos nós mesmas, as mulheres fortes tanto em ação quanto na forma de pensar a vida, assustamos. Outro dia um amigo me disse que passou a chamar suas priminhas de guerreiras e não princesas, para despertar a força delas e é isso que anda faltando, sabe? Ensinar a todas nós, desde pequenas, que podemos ser as heroínas fortes e inteligentes. Isso muda tanto. 🙂

      Curtido por 1 pessoa

      1. Pois é… ainda assusta. Assim como as pessoas que se assustam com homem que não é o “padrão machão” e nem por isso é homossexual. (meu caso)
        Adorei essa do teu amigo, vou aderir esta ideia.
        Valeu pela troca. 😉

        Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s