a dor me fez uma rima

Como quem precisa acordar e tomar um banho gelado, ou melhor, um susto para que possa despertar e avisar ao resto do corpo: é hora de lutar.

Como quem já tentou de um tudo sem conseguir somar, que por mais que tenha andado ao fim não vai chegar.

Como quem sente uma saudade e já provou do abandono. Quem já teve tudo arrancado, até todos os sonhos.

Como uma dor que caleja o peito e faz sofrer alma, que no fundo só precisa ter um pouco mais de calma.

Como quem se sente cansado; e chora e geme e pede pra tudo voltar, porque crescer dói e parece que não vai suportar.

Como quem já enfrentou tantas tempestades, que o teto não suporta mais sequer uma gota e ameaça desabar.

Como uma uma bomba em contagem regressiva que a ameaça explodir e trazer muitas perdas a quem por perto existir.

Como quem já se foi, mas o corpo ainda está aqui por não saber mais como agir.

Como quem sofre.

Como quem sente.

Como quem já não quer estar presente.

Como eu, como você, que tanto aguenta sem perceber… tamanha força que a gente têm… e só tenta reconhecer.

E tudo saiu numa rima, mesmo que sem perceber.

Numa tentativa dolorida de entender…

Desde quando se tornou tão difícil viver.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s