Made in Brasil: vestido feito no DF foi parar no tapete vermelho do Oscar

Modelo desenhado por brasiliense que mora na Inglaterra, foi modelado no Guará e feito por costureira de Ceilândia. Naomi Solomon, esposa do indicado ao Oscar de melhores efeitos visuais pelo filme Midnight Sky, Max Solomon, comprou peça.

Naomi Solomon no tapete vermelho do Oscar 2021 com vestido feito no Distrito Federal — Foto: Arquivo pessoal

Um vestido feito no Distrito Federal foi parar no tapete vermelho na 93ª edição do Oscar, em Los Angeles, na Califórnia, no último domingo (25). Quem desenhou a roupa foi a brasiliense Priscila Bezerra, que mora em Birmingham, na Inglaterra, há oito anos.

O vestido foi usado por Naomi Solomon (foto acima), esposa do indicado ao Oscar de melhor animação pelo filme Midnight Sky, Max Solomon. A peça custou £215 (duzentas e quinze libras), o equivalente a R$ 1.505.

Priscila conta que sempre gostou de desenhar e há seis meses resolveu montar um loja virtual na internet. As peças acabaram sendo vendidas em uma loja de departamentos com filiais em Londres e em Nova Iorque. “Foi aí que o negócio deslanchou”, conta a brasiliense.

Eu queria trazer o trabalho do meu país pra cá

diz Priscila
Priscila Bezerra, brasiliense que desenhou vestido que foi parar no tapete vermelho do Oscar 2021 — Foto: TV Globo / Reprodução

Naomi entrou em contato com Priscila por e-mail. “Eu abri minha caixa de e-mails e ela tava falando que precisava de um vestido para usar no Oscar. E eu, oi? Como assim?”, conta a brasiliense.

Modelagem

Maria América Rocha, modelista do vestido feito no DF e usado no tapete vermelho do Oscar 2021 — Foto: TV Globo / Reprodução

Com a encomenda feita, começou a correria. Priscila entrou em contato com as profissionais de confiança em Brasília: a modelista Maria América Rocha e a costureira Eliana Felix, que também é diaristas na casa da mãe de Priscila.

Em um dia, Maria Amélia fez a modelagem. “Essa é minha função. A pessoa me dá um desenho e eu tiro dali e transformo no tamanho real da modelo”, conta. O trabalho foi feito no Polo de Modas do Guará.

Ele não é um vestido fácil de fazer, devido aos pequenos detalhes que têm. Ele tem um estilo country bem sofisticado nas festas

diz Maria Amélia

Costureira de Ceilândia

Eliana Felix, costureira que fez o vestido que desfilou no tapete vermelho do Oscar 2021 — Foto: TV Globo / Reprodução

Mas foi pelas mãos da costureira Eliana Félix, moradora de Ceilândia, que o vestido virou realidade. Ela confeccionou o look do Oscar em um pequeno quarto, na casa da mãe de Priscila, na Octogonal, em seis horas.

“É um vestido completo, uma saia evasê com corpinho ajustado. As mangas trabalhadas no viés, assim como os detalhes da gola. Os botões cobertos. É um lurex [tecido de malha] com brilho” diz a costureira.

“Ficamos ansiosas”, diz ela que, mesmo com a correria, não esconde a satisfação de ter conseguido fazer um vestido que desfilou pelo tapete vermelho do Oscar.

Eu fiquei tão feliz de saber o destino do vestido que eu nem fiquei cansada. Eu me sinto orgulhosa e agradecida a Deus pelo dom que ele me deu de conseguir fazer um trabalho como esse

diz a costureira

Alfândega

Naomi Solomon com vestido feito no Distrito Federal, que usou no tapete vermelho do Oscar 2021 — Foto: Arquivo pessoal

Para o vestido chegar em Londres, foi preciso que a mãe da Priscila o colocasse nos Correios. O pacote chegou a parar na alfândega, em Londres, mas foi liberado em três dias e deu tempo de entregar para a compradora.

Um alívio para Priscila, que agora está mais motivada e orgulhosa do que nunca. “Sempre desenhei, mas nada profissionalmente. Comecei faz pouquíssimo tempo e já ter estreado no Oscar é muito louco, né?”, diz ela.

É bem surreal. Um evento que eu e o mundo inteiro acompanha desde que era criança e, do nada, ver um vestido que eu desenhei e feito na casa da minha mãe, no meu quarto de criança, no Oscar? Incrível!

(Publicado originalmente em G1, 28 de abril de 2021)

Autor: redacaoddule

Publicações que são reescritas ou replicadas e não podem ser assinadas são publicadas como produzidas pela Redação DDULE. Isto para evitar confusão e plágio.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s