olhos do Paul

teus olhos olhar de vênus que deseja provoca mas não fecunda teu riso som de solidão cava no peito desejo de nós que cessa embora fora casa sem nó nem nós te guardo na memória onde te escondo por que tens que magoar? por que não manter a paz? saudades da tua voz riso mas […]

Leia mais

Nossa canção

Aquelas conversas que rendem poesia e você resgata quando, sem esperar, se vê com aquela pessoa que sonhou um dia.

Leia mais

Discurso: Parabéns, amor!

Me lembro de ter sentado ao lado dele. Naquele momento eu me recordava de tanta coisa… de como terminou uma vez. Aquele adeus que doeu como um soco na boca do estômago, soco este que matou todas as borboletas que voavam tão facilmente ao olhá-lo. As horas correram desde aquele último adeus e de repente […]

Leia mais