café com baunilha e canela ao som de pássaros e cigarras

Andei por muito tempo até avistar o melhor lugar para perder horas, pelo menos pra mim, aquele restaurante que serve café da manhã o dia inteiro e ainda te reserva um lugar para poder escrever ou ler. Escolhi a mesa do lado de fora e enquanto provava do folheado de camarão e aquele café com […]

Leia mais

olhos do Paul

teus olhos olhar de vênus que deseja provoca mas não fecunda teu riso som de solidão cava no peito desejo de nós que cessa embora fora casa sem nó nem nós te guardo na memória onde te escondo por que tens que magoar? por que não manter a paz? saudades da tua voz riso mas […]

Leia mais

Tem tempo

Texto do nosso colaborador Tiago Brito

Leia mais

fica

Tem poesia nova e com muito amor.

Leia mais

Abismos

no trabalho da minha mesa pra minha janela há um abismo na sede entre minha boca e a tua há um abismo na dor entre a cura e o sofrimento há um abismo no falso moralismo entre minha verdade e tua consciência há um abismo no amor do meu coração pro dela há um abismo e […]

Leia mais

Em forma de P A L A V R A S

Te envio um beijo de boa noite em forma de palavras. Porque a distância existe, mas o carinho também. Te envio suspiros apaixonados em forma de palavras. Porque o ar daqui tem a mesma composição química que o daí. Te envio abraços apertados em forma de palavras. Porque são as palavras ditas e escritas que […]

Leia mais